VISITANTES

segunda-feira, 4 de abril de 2011

La Paloma - História da Música -

La Paloma é uma música composta em 1863 por Sebastian Iradier e Salaverri (Salberri) (Lanciego , Álava , 20 de janeiro de 1809 - Vitória , 06 de dezembro de 1865 ), também conhecido como Sebastian Yradier, foi um compositor espanhol.



Ele ficou conhecido internacionalmente por sua música La Paloma, composta em 1863, após uma visita a Cuba. Tornou-se extremamente popular na Espanha e nas Américas e foi o responsável pela popularidade de Havana.



Nenhuma canção foi cantada tantas vezes pelo mundo afora. Por quê? A única coisa que ficou comprovada é que o compositor Sebastián de Iradier, que numa velha versão é chamado apenas de “Maestro Yradier”, viajou pelo mundo a partir da Espanha, e estava em Cuba no tempo em que compôs a canção.



Cinquenta anos mais tarde os catálogos das editoras de música já apresentavam perto de duas mil versões. Quantas são hoje é algo que só se pode pressupor vagamente. O DJ Kalle Laar, de Munique, calcula que entrementes deve haver muitíssimas versões mais. Essa canção é considerada a mais frequentemente interpretada no mundo, e foi escolhida pelos telespectadores alemães em 2003 como “a canção do século”. Uma peça de todos para todos.









5 comentários:

  1. Fico rendido à voz de Nana Mouskouri...
    Só com instrumental Mexicano (creio), também
    é muito bonito.
    Beijo linda

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Mara

    Grandes emoções este post me trouxe!Obrigada nos fazer conhecer a sua história e também pelas várias versões.

    Beijinhos
    olinda

    ResponderExcluir
  3. ¨LA PALOMA¨, em espanhol, interpretada por JULIO IGLESIAS, é a versão que mais aprecio. Esta canção é belíssima!!!

    ResponderExcluir
  4. Para mim a versão mais bonita é a interpretada por Semino Rossi.

    ResponderExcluir
  5. Para mim a versão mais bonita é a interpretada por Semino Rossi.

    ResponderExcluir